Ex-prefeito quilombola poderá ter o apoio da comunidade negra nacional para ser vice de Perillo em Goiás!

Wagner Gualberto, produtor rural em Flores de Goiás diz: "Marconi é um animal político competente. Lula é o professor da política brasileira"


Texto escrito por: Eunicinha Lourenço

A disparidade entre candidatos brancos e negros deve diminuir na eleição de 2022, quando o negro começa a ser protagonista em diversos setores no Brasil e no mundo. Recentemente, a advogada negra Francia Márquez foi eleita vice-presidente da Colômbia. No dia 24/7 na cidade de Natal no Rio Grande do Norte, foi homologada pelo Partido Unidade Popular a candidatura à presidência da República do afrodescendente e técnico em eletrônica Leonardo Péricles. A sua vice é a dentista negra Samara Martins. O pré-candidato à presidência da República Pablo Marçal (PROS) poderá homologar na convenção de seu partido a ser realizada no dia 31/7/2022, em Brasília, a cabo da PM Fátima Pérola Negra como candidata a vice-presidência da República. Esta foi candidata a vice-governadora de São Paulo em 2018, quando sua chapa obteve 750 mil votos, ficando em quinto lugar entre os doze postulantes.

O militante da causa negra Geremias Lara, de São Paulo, disse o seguinte: "O meu saudoso tio Osvaldo Ribeiro (suplente de FHC no Senado) foi amigo do Marconi. Acredito que sua sensibilidade de tucano com a causa negra, certamente, vai ajudar Goiás e o Brasil com a indicação do Wagner como seu vice"


No mês de junho foi realizado um grande evento, na Ocupação Nove de Julho em São Paulo, cuja proposta idealizada pela 'Coalizão Negra por Direitos' reuniu 250 organizações lideradas por e para negros. O evento teve a participação de 100 pré-candidatos negros de 18 estados da federação, cujo encontro intitulou-se: 'Quilombo nos Parlamentos'.

Waldir Gualberto é irmão de Wagner Gualberto. Tal qual o irmão, ele também foi prefeito em Goiás e por dois mandatos pelo PT, na cidade de Vila Boa. Ele disse: " Estou no PT há duas décadas e o PT de Goiás vai saber avaliar se o mano Wagner é a melhor opção, no caso de composição com o PSDB. Ficarei honrado se acontecer"


O objetivo foi aumentar as candidaturas negras para a disputa de 2 de outubro próximo, mas com o foco em eleger as referidas candidaturas. O evento suprapartidário e com a participação dos partidos do campo progressista tais como: PT, PSB, PC do B, PDT, PV, entre outros, contou com a presença de ícones do Movimento Negro como Sueli Carneiro, Milton Barbosa, Vilma Reis, entre outros. O ponto alto do debate foi a fala por meio de vídeo do ex-presidente Lula da Silva, que incentivou de forma efetiva as candidaturas da afro descendência nacional.

Marconi tem três perfis distintos: Wagner é negro e produtor rural; Adriana, mulher e delegada de polícia e Wolmir, intelectual e ex-reitor da PUC


Em Goiás, a grande novidade dos últimos dias foi o lançamento do ex-governador Marconi Perillo, do PSDB, para governador. Ele já governou o Estado por quatro mandatos. A outra novidade é a sua possível união com o partido dos trabalhados - PT, para enfrentar o atual governador Ronaldo Caiado (União Brasil). Neste caso tem preferência para ser o vice de Marconi o pré-candidato do PT ao Palácio das Esmeraldas Wolmir Amado, mas também se fala no nome da deputada Adriana Accorsi (PT), pré-candidata a deputada federal. Outro nome sugerido nos bastidores da comunidade negra goiana e ativistas do Movimento Negro é o do ex-prefeito de Flores de Goiás Wagner Gualberto de Brito. Wagner é funcionário público aposentado pela Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás, foi vereador, vice-prefeito e prefeito de Flores de Goiás aos 29 anos, quando foi presidente da Associação de Municípios do Nordeste Goiano. Em sua passagem pela referida associação, no ano de 1990, Wagner juntamente com os 22 prefeitos do Nordeste Goiano e o então embaixador do Canadá, John Peter Bell, lideraram uma comitiva de mais de 80 pessoas que visitaram a Comunidade Calunga a partir do município de Monte Alegre. 

Dilson de Almeida Sérgio mora em Goiânia, é funcionário público e ativista da causa negra. Ele disse: " Marconi Perillo conhece bem a causa negra e a área social. Eu e ele temos um amigo em comum, que é o militante das causas sociais, o médico do Hospital São Francisco de Assis, o dr. Nelson Gillet. O Wagner é um grande opção para representar a negritude no Governo de Goiás


O objetivo foi impedir a construção de uma hidrelétrica que poderia alagar o território Calunga, onde residem 5 mil descendentes da mãe África e preservam aquele sítio sagrado há mais de 300 anos. Na ocasião foram liberados recursos canadenses para os calungueiros que montaram uma fábrica de farinha, produto em que são especialistas. Após o seu mandato em Flores de Goiás, Wagner Gualberto, que é formado em nível superior no curso de Gestão Pública, foi diretor financeiro e administrativo da FEMAGO, por meio de um convite do então saudoso governador Iris Rezende Machado. Entrevistado via telefone pela reportagem, o ex-prefeito Wagner de Flores de Goiás, que no passado foi um quilombo, o goiano nascido em Formosa argumentou:

"Eu fico muito feliz em ser lembrado pelos meus irmãos negros de Goiás para ser vice de Marconi, que conheci em nossa pequenina Flores de Goiás como presidente do MDB jovem goiano e no afã de ser deputado estadual. Foi quatro vezes governador de nosso Estado e é um animal político competente. Entretanto, eu sou 'cristão novo' no PT e sou pré-candidato a deputado estadual representando o Nordeste Goiano. O presidente Lula é o professor da política brasileira e junto com as lideranças do PT goiano certamente escolherão o nosso melhor caminho para o nosso partido. Desejo boa sorte ao amigo Marconi"

Embora Wagner esteja empenhado na disputa de uma vaga na Assembleia Goiana, lideranças negras afirmam que a eloquência do ex-prefeito como orador do primeiro time de Goiás dignificará o povo negro e fará a diferença no palanque de Marconi Perillo, caso seja o escolhido. O futuro a Deus pertence. Que os goianos escolham os melhores nomes no dia 2 de outubro.

Postar um comentário

0 Comentários